• Investe Mais

Bitcoin mira alta histórica no Brasil após dobrar de preço

O preço do Bitcoin voltou a se aproximar da marca de U$ 12 mil por unidade, com um movimento impressionante no último fim de semana. Dessa forma, o Bitcoin já mira a alta histórica no Brasil, após dobrar de preço no ano de 2020 em relação ao real.


O Bitcoin de fato é uma moeda com valor determinado pelo mercado pela lei da oferta e procura. Desse modo, é complicado fazer uma previsão exata para o preço do Bitcoin. Mesmo assim, alguns analistas afirmam que 2020 é um bom ano para essa moeda digital, principalmente após o halving.


Passado o estágio inicial da pandemia, muitos buscam no Bitcoin um refúgio para seu capital. Isso porque, como a moeda não tem relação com governos e países, é um ativo considerado alternativo, semelhante ao ouro, cumprindo a função de reserva de valor.


Após Bitcoin dobrar de preço em 2020, já mira alta histórica no Brasil


Em 2020, o comportamento do Bitcoin oscilou entre bons e maus momentos, também afetado pelos desdobramentos da pandemia. Quando os investidores da moeda digital acreditaram estar em risco, em março, o momento foi de vendas no mercado, que causou uma intensa desvalorização da moeda digital.


Passado março, em abril o Bitcoin voltou a registrar altas seguidas, seguindo o movimento até agosto. Cabe o destaque que a alta de preços do Bitcoin no Brasil também é influenciada pela alta do dólar, ou seja, quanto mais o preço da moeda norte-americana sobe em relação ao real, mais o BTC valoriza.


Dessa forma, de acordo com um gráfico do Bitcoin no TradingView, o preço da moeda digital no Brasil já supera de longe a cotação de 2018, 2019 e até 2020. O preço do Bitcoin em relação ao real hoje segue oscilando próximo da marca de R$ 65 mil. Cabe o destaque que a alta histórica foi em R$ 69 mil, ou seja, faltariam 6% para o Bitcoin igualar sua melhor marca no Brasil.


Além disso, para quem acreditou no Bitcoin desde o primeiro dia do ano, o retrospecto tem sido positivo. Com uma valorização em torno de 120% apenas em 2020 (YTD), o Bitcoin mais que dobrou de preço em relação ao