• Investe Mais

Ministério Público arquiva processo contra Minerworld

Os antigos clientes da Minerworld se assustaram nos últimos dias com uma novidade envolvendo a empresa. Isso porque, o MP do Mato Grosso do Sul arquivou nos últimos dias um processo contra a Minerworld.


A empresa é acusada de operar um esquema de pirâmide financeira por clientes. Encerrada de fato durante operação policial, a Minerworld já vinha dando problemas. Após um suposto ataque hacker em uma corretora, a empresa teria deixado de realizar os pagamentos prometidos aos clientes.


Após declarar uma suposta insolvência, a Minerworld foi alvo de busca e apreensão pelo Ministério Público em abril de 2018. Ainda hoje, mais de dois anos após o encerramento, clientes seguem em busca do investimento. A defesa da empresa nega que o negócio seja um esquema de pirâmide financeira.


Conselho do MP do Mato Grosso do Sul arquivou um processo contra a Minerworld, por unanimidade


O Ministério Público estadual do Mato Grosso do Sul (MP-MS), arquivou um processo contra a Minerworld na última semana. A empresa era investigada pelo órgão por uma suposta fraude contra milhares de brasileiros em vários estados.


O arquivamento de um procedimento preparatório ocorreu por unanimidade dentro do Conselho do MP-MS. Essa votação, inclusive, já foi publicada no Diário Oficial do MP-MS na última quinta-feira (10).


Para encerrar o processo, o Conselho observou que há uma ação civil coletiva contra a Minerworld. Além disso, há uma investigação da Polícia Federal, com vistas do Ministério Público (MPF), contra a Minerworld.


Dessa forma, o MP-MS arquivou o processo, de acordo com o Midia Max, que seguirá acompanhado por outras autoridades. A investigação contra a Minerworld corre em sigilo de justiça ainda hoje.