• Investe Mais

Ripple considera o Japão para seus planos de realocação

O futuro da Ripple em solo americano permanece incerto, desde que os executivos da empresa fizeram comentários controversos há cerca de duas semanas.


Os chefes da Ripple disseram que a empresa poderia se mudar para um novo mercado fora dos Estados Unidos, se os regulamentos de criptomoeda não fossem revisados. De acordo com uma entrevista à Bloomberg, parece que os executivos estão mantendo sua palavra.


A empresa de tecnologia, com sede em San Francisco, está aparentemente avançando com seu plano, já que as regulamentações dos EUA permaneceram as mesmas. Durante a entrevista, o CEO Brad Garlinghouse revelou que eles escolheram o Japão e Cingapura como os destinos potenciais para a mudança.


Dos dois, o Japão é a escolha mais provável, considerando que é um dos maiores mercados para a empresa de blockchain. Ripple tem desfrutado de um bom relacionamento com o Japão, devido à parceria de longa data com o Strategic Business Innovator Group, com sede em Tóquio. A parceria com o Grupo, comumente referida como SBI Holdings, foi firmada em 2016.


Os dois construíram em conjunto um empreendimento blockchain chamado SBI Ripple Asia, em maio daquele ano, com a Ripple Labs controlando 40% e o SBI Group, a maior unidade de 60%.

“Temos uma parceria de muito sucesso lá [no Japão] com um grupo chamado SBI. Na verdade, eles são nosso maior investidor externo, e o CEO, Kitao-san, foi um inovador e pioneiro em muitas coisas em torno de finanças e tecnologia ”, explicou Garlinghouse.

Ele acrescentou que Ripple já estava em negociações com a SBI Holding sobre uma possível mudança. Garlinghouse afirmou que o Japão sempre esteve na vanguarda em termos de tecnologia de blockchain, destacando as regulamentações muito mais amigáveis.


O presidente e CEO da SBI Holding, Yoshitaka Kitao, foi adicionado ao conselho de diretores da Ripple no ano passado. Também é relatado que o novo primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga, nomeou Kitao para servir como seu conselheiro econômico no mês passado.


Além do Japão, a Ripple também está considerando Cingapura, onde construiu um novo escritório no final do ano passado para facilitar seus planos de expansão no mercado da Ásia-Pacífico. Outros destinos são Reino Unido, Emirados Árabes Unidos e Suíça.


Fonte: guiadobitcoin

1 visualização0 comentário